Sobre Nós

Na última década temos assistido à maior explosão da cultura portuguesa no mundo, tendo a música um papel de relevo. Exemplos disso são o fado e o cante alentejano tornados Património Cultural Imaterial da Humanidade.

Como disse Peter Gabriel, grande artista e impulsionador da world music, “visto à escala mundial, Portugal tem provavelmente a mais rica e diversificada música tradicional por metro quadrado”.

A verdade é que cada recanto, logo a poucos quilómetros de distância, revela um mundo musical novo, como se de outra terra se tratasse, com estética e energia próprias e personalidade muito vincada. Cada lugar criou a sua forma de expressão, através da música e da vida em comunidade. A soma de todas estas riquezas musicais marcantes é a verdadeira e mais elevada matriz de Portugal.

Num tempo em que Portugal explode para o mundo com toda a sua riqueza, O Sons da Terra vai celebrar cá dentro, ao longo de 3 dias, o que de melhor o país tem, no mágico espaço da Fábrica da Pólvora em Oeiras. A par da melhor música de raiz portuguesa e dos cantares e danças tradicionais mais emblemáticos de Norte a Sul, desde os mais recônditos, aos maiores símbolos de Portugal no mundo, o país inteiro irá mostrar as suas artes tradicionais, artesanato, e gastronomia regionais, distribuídas pelas feiras, exposições, palcos, casas de música, documentários, parques, e outros recantos da Fábrica da Pólvora.

O Festival Sons da Terra é promovido pela Câmara Municipal de Oeiras, num projecto criado por Diogo Clemente que assina a sua direcção artística e tem como missão receber todos os que querem saber e viver o que é ser português.

ladies rolex yacht master replica swiss watches for sale replica panerai luminor marina pam 00104 replica fake breitling replica omega gold constellation replica rolex watch auction replica